• Fábio Luis Nascimento

Vinho : paixão, cultura, tradição e conhecimentos engarrafados

Atualizado: há 5 dias


Olá queridos amigos amantes do vinho

Este é meu primeiro artigo nesta coluna, na qual escreverei sobre vinhos e desde já me coloco à disposição para tirar suas dúvidas relacionadas a este universo.


Hoje vou falar sobre a paixão que o vinho desperta em nós. Porque será que o vinho é um assunto tão apaixonante e atrai seguidores entusiasmados em todos os cantos do mundo ?







Desde os tempos bíblicos o vinho é consagrado como um alimento da alma. Na bíblia tem a menção : "O vinho alegra o coração do homem". Associado, desde a antiguidade, a festas e momentos de festividades, seja na figura do Deus grego do vinho, Dionísio, ou na consagrada imagem de Baco e seus famosos "bacanais" na Roma antiga, o vinho é festa, alegria, confraternização, família e socialização.



Até aqui falei que o vinho é muito celebrado mas de onde vem essa paixão e seus seguidores ? Uma simples garrafa de vinho traz consigo muita história, paixão, cultura e conhecimento.


Tudo começa quando alguém resolve plantar a uva, primeira cultura a fixar o homem, que até então era nômade, na terra. O homem vivia andando de um lugar para outro, não parava em nenhum pedaço de terra. Quando começou a cultivar a vinha, que tem um ciclo de cultura anual, foi obrigado a se fixar para cuidar da plantação. Há sempre uma história por trás do vinho, seja nos locais que produzem o vinho há centenas de anos ou mais recentemente. Você já se perguntou qual a história que está por trás da garrafa que está bebendo ?


De onde vem a paixão que o vinho desperta? Inicialmente da paixão de um sonhador que idealiza um projeto, começa a plantar a uva, cuidar de sua plantação, colher e fazer um vinho no seu melhor estilo. Um mesmo tipo de uva pode realizar vinhos muito distintos dependendo de seu idealizador. Certamente não há produção de vinho sem paixão e quando engarrafada, esta paixão acaba contagiando os consumidores, levando um pouco de paixão para suas vidas, das mais diferentes formas.


E quando se fala em cultura do vinho do que estamos falando ? De que cada região, cada produtor de vinho tem uma história, uma tradição, uma paixão que foram potencializadas e mobilizadas por uma comunidade. Ninguém faz vinho sozinho. Por trás de um vinho existe um local, uma região, seus moradores, seus trabalhadores, seu modo de viver. Tudo isso de alguma forma também é engarrafado e faz parte do vinho que tomamos, refletindo a cultura da região e seu universo.


O vinho também é um acúmulo de conhecimento que passa de geração em geração e é refinado, apurado e transmitido ao longo do tempo. Imagina quanto conhecimento não nos foi transmitido desde a antiguidade quando o vinho já era produzido. Milhares de anos de conhecimentos aperfeiçoados acumulados em uma garrafa. Ao tomar um vinho também fazemos parte desta egrégora milenar.


E por fim o toque divino. Uma safra só pode ocorrer com a permissão do céu. Porque depende do sol, da chuva, do vento, elementos que o homem não domina, apenas observa e contempla.


Sinto orgulho em fazer parte deste apaixonante mundo de pessoas vibrantes, lugares maravilhosos e abençoados pela natureza, de poder saborear um produto que traz consigo história, paixão, conhecimento e bençãos.


Um brinde à vida e a todas as possibilidades que nos são oferecidas !


Fábio Luis do Nascimento

#Apaixonadosporsabor #Vinho

26 visualizações